Muda Pinheiro! Muda de Verdade. Renovação do Legislativo Pinheirense começa neste Domingo (13).

A população Pinheirense está claramente cansada da casta política que nos representa na Câmara municipal de Pinheiro, mais empenhada em atender a interesses particulares do que públicos. Nada que venha do legislativo parece funcionar. Projetos aprovados na escuridão, sem a menina transparência, esqueceram a função de um Vereador que é de Fiscalizar e cobrar ações do governo, verificar se os recursos do município estão sendo devidamente aplicados pela prefeitura para a promoção do bem-estar da população. Elaborar projetos de leis municipais para serem aprovadas na casa legislativa. O contrato entre representantes e representados não foi cumprido. “Se com esses políticos não está funcionando, mudemos então os políticos”: partindo desse pressuposto, pessoas oriundas da sociedade civil  têm se reunido em grupos para lançar novos candidatos. São os chamados movimentos de renovação política.

Em Pinheiro-MA, um grupo composto entre pessoas jovens e experiente na vida mas que nunca tiveram a oportunidade de representar a sociedade, vão iniciar neste domingo (13), em um ato de apresentação a população. O grupo que compõe ate o momento Vinte e Dois, ( 22 ) participantes, devera fortalecer ainda mais até as eleições de 2020.

O objetivo do grupo é de conscientização, fazer com que a população pinheirense tenha condições reais de escolher o melhor, não podemos continuar com um legislativo que não cansa do ” Toma lá da cá ” algo bastante conhecido em Pinheiro

Para renovar a política é, portanto, necessário mais do que alternância de poder, são necessários uma reciclagem ética e uma representatividade muito maior. Para alcançar isso, os movimentos de renovação política podem ser decisivos. No entanto, é preciso que, uma vez eleitos os políticos, a sociedade tenha maior capacidade de incidência sobre as decisões deles. Ora, essa capacidade não virá da boa vontade dos representantes, mas sim das ações coletivas que existem. Quanto mais potentes essas ações, maior a sua capacidade de influenciar as decisões. Em suma, só é possível alcançar um governo democrático quando se tem uma sociedade democrática.

Não seria justo delegar o peso da imensa tarefa de renovação política apenas aos movimentos que anseiam por isso. Para renovar a política é necessário o engajamento de cada um em sua vida cotidiana, fora das instituições, na construção da vida em comum, da igualdade, de uma sociedade democrática. A renovação política só existirá se for além da renovação de políticos. Pinheiro precisa se enquadrar nesse contexto e é esse o objetivo do nosso grupo, que em 2020 teremos a sonhada renovação.

MUDA PINHEIRO! MUDA DE VERDADE.

Grave acidente deixa pastor, esposa e um dos filhos mortos na Br-222 nesta quinta-feira(22).

O pastor da cidade maranhense de São Lourenço, pastor Francisco Araújo, filho do ex-vereador Careca, de Pinheiro, faleceu na tarde desta quinta-feira 22, junto com a sua esposa e um de seus filhos, o durante um acidente na MA-014, entre as cidades de Vitória do Mearim e Arari. 

Segundo informações, o carro em que o pastor estava com a família colidiu frontalmente com outro veículo de grande porte. No carro estavam o pastor, a esposa Missionária Nairuska Araújo e mais dois filhos pequenos. O pastor, a esposa e uma das crianças veio á óbito no local. A outra criança continua viva.

As circunstâncias em que se deram o acidente ainda não foram divulgadas. Francisco era pastor da Assembléia de Deus da cidade de São Lourenço.

Nem 17, Nem 13. Aqui é 30 ovos por 10 reais.

Pinheiro agora conta com uma loja especializada na venda de ovos. Não faz sentido taxa-lo de vilão. Muito pelo contrario. Ele dá saciedade, ajuda na construção dos músculos, afia o cérebro, protege os olhos e muito mais.

Então venha conhecer, na Travessa dos Moraes n° 42, Bairro Fomento, funcionando de segunda a sábado, atendemos também pelo Whahtsap, (98) 981530369.

 

Diretoria de Saúde e Gedema promovem palestras alusivas à campanha “Outubro Rosa”

A Diretoria de Saúde e Medicina Ocupacional da Assembleia, em parceria com o Grupo de Esposas de Deputados do Maranhão (Gedema), promoveram, na manhã desta terça-feira (23), palestras alusivas à campanha “Outubro Rosa”, cujo objetivo principal é alertar mulheres e a sociedade sobre a importância prevenir e diagnosticar o câncer de mama de forma precoce.

O evento, realizado na sala das Comissões, contou com a presença do diretor administrativo da Assembleia Legislativa, Antino Noleto; da deputada Ana do Gás (PCdoB); do diretor de Saúde da Assembleia, Danilo Costa Júnior, e da adjunta, Rafaela Lago; da médica oncologista Giovana Costa Borba e da psicóloga Caroline Silva Freire, além de servidoras da Casa.

As palestras foram proferidas pela médica oncologista Giovana Costa Borba, que abordou o tema “Diagnóstico precoce do câncer de mama”, e pela psicóloga Caroline Silva Freire, que discorreu sobre “Aspectos psicológicos da pessoa com câncer de mama: um novo desafio”.

Giovana Costa Borba enfatizou a importância do diagnóstico precoce e frisou que o câncer de mama é a doença que mais mata no Brasil, tendo como fatores de risco histórico familiar, sedentarismo, consumo de álcool, obesidade, tabagismo e faixa etária (pessoas acima de 50 anos de idade).

“De acordo com o Instituto Nacional de Câncer, estima-se que, este ano, sejam detectados 57.700 novos casos. Pela estimativa do SUS, o número de mortes chegará a14.206. Esses números são alarmantes, daí a importância da prevenção. Embora menos comum, o câncer de mama também pode atingir o homem, especialmente depois dos 50 anos”, alertou Giovana.

Borba disse ainda que 40 anos é a idade em que a mulher deve passar a fazer a mamografia, ou antes, caso tenha histórico familiar da doença. “Os riscos podem ser reduzidos em 30% com hábitos saudáveis, exercícios físicos regulares e uma boa alimentação”, destacou a médica, lembrando que 90% dos tumores são detectados pela paciente.

O câncer de mama é o segundo tipo de tumor mais frequente no mundo e o mais comum entre as mulheres. Segundo o Ministério da Saúde, em 2018 foram identificamos 600 mil novos casos no Brasil.

Desafio

A psicóloga Caroline Silva Freire afirmou que qualquer pessoa está suscetível a ser acometida pela doença.  “Mas a mensagem que eu quero passar é que, mesmo a pessoa vindo a ter câncer de mama, há possibilidade de ela enfrentá-lo de maneira positiva e confiante, o que aumentará a possibilidade de cura”.

“Esse é um movimento mundial que a Assembleia participa, por meio das campanhas “Outubro Rosa” e “Novembro Azul”. Dessa forma, estamos promovendo essas palestras para  alertar os servidores sobre a prevenção”, afirmou o diretor de Saúde, Dionilo Costa Júnior.

O diretor administrativo da Assembleia, Antino Noleto, ressaltou a importância do evento. “A informação e a prevenção em tempo hábil salvam vidas. A Assembleia Legislativa não poderia se omitir em campanhas tão importantes quanto essas. Por isso, a Diretoria de Saúde, o Gedema e todos os deputados e diretores da Casa, com a determinação do presidente Othelino Neto e da presidente do Gedema, Ana Paula Lobato, estão engajados na difusão dessas informações  tão importante para a saúde de todos os funcionários”.

A deputada Ana do Gás lembrou que é essencial perder o medo e a vergonha de consultar o médico para enfrentar o problema. “Como mulher e mãe, eu levanto essa bandeira para que todos possam buscar essa ajuda médica e fazer o autoexame, pois, se diagnosticado no início, as chances de cura serão maiores”.

“Esse encontro é importante para a mulher e para o homem. É uma forma de ficarmos informados sobre como evitar essa doença, que se alastra pelo país. As palestras foram excelentes. A Diretoria de Saúde está de parabéns”, parabenizou a servidora Joana Maria Serrão Martins.

Além das palestras, foram ofertadas consultas com uma mastologista, com direcionamentos para o autoexame na rede pública estadual.

Comigo é dito e feito! Moradores do bairro Vila Filuca interditam Avenida Dr. Almir Soares em protesto contra a grande quantidade de buracos.

Moradores da Avenida Dr. Almir Lima, no bairro Vila Filuca, se mobilizaram na noite desta terça-feira, 02, e bloquearam a via que é a principal de acesso ao centro do bairro.

Uma rua bastante utilizada pela população inclusive pelos seus amigos o Vereador Lucas do Beiradão (PSDB), e secretario de governo de Pinheiro, Fred Lobato, nem assim o gestor Luciano Genésio que tem outras prioridades como a campanha da sua esposa Dra Thaiza hortegal, não sensibilizou-se com a triste situação.

Usando galhos de arvores, pedaços de madeira e blocos de concreto, os moradores protestam contra as condições precárias da rua que foi abandonada pelo gestor do município.

Até o momento nenhum representante da prefeitura compareceu ao local para falar com os manifestantes. Estes asseguraram que o bloqueio só será removido após providências do poder público.

Além de fechar a via com entulho, os moradores já se organizam para orquestrar uma queima de pneus velhos caso não apareça nenhum representante da prefeitura.

Neste domingo(26), simulação de eleição com urnas biométricas na escola IEP em Pinheiro-Ma.

Neste domingo (26), das 08h00 ao Meio Dia, será realizado uma simulação de eleição com urnas biométricas instaladas em todas as seções 376, 377, 378, 379, 380, 381, 382, 383, 384 e 385 eleitorais da escola IEP (Instituto de Educação de Pinheiro ), cerca de 2855 eleitores aptos a participar desse simulado.

Com intuito de esclarecer para os eleitores, partidos e candidatos o processo informatizado da eleição com enfoque na segurança, transparência e fiscalização.

Testar os sistema e a urna biométrica, verificar o tempo médio de votação e treinamento pratico aos mesários.

Avaliar grau de dificuldade do eleitor e mesário na interação com o sistema de votação e a urna biométrica.

Em pinheiro estão aptos a votar 48.345,00 eleitores e todos obrigatoriamente com o uso biométrico.

 

Presidente Sarney – Secretário da Juventude, Cultura e Eventos Orlando Silva é exonerado.

A prefeita Valéria Castro exonerou nesta segunda-feira (13)  o Secretário José Orlando Silva Pereira do cargo que exercia desde janeiro de 2017 devendo nomear nos próximos dias um jovem ou uma jovem, sem perfil político, que possa representar a juventude de Presidente Sarney, devendo ser alguém oriundo da classe estudantil ou dos grupos de jovens das diversas correntes religiosas para que possa ser dado continuidade às políticas de reconhecimento e valorização do jovem na vida da nossa sociedade.

A prefeita agradece ao desempenho do suplente de vereador José Orlando por sua importante contribuição durante o tempo em que permaneceu à frente dessa importante secretaria esclarecendo ainda que o desligamento ocorre de forma ajustada previamente em razão do posicionamento político adotado pelo ex-secretário que decidiu apoiar outros candidatos a deputados nestas eleições diversos daquele que a prefeita e seu grupo político apoiam, mantendo o alinhamento político municipal com o ex secretário sem alterações.

Publicado Por Vandoval Rodrigues.

TCU realizará auditorias coordenadas nos municípios que receberam créditos da recuperação de recursos do Fundef

A Secretaria do Tribunal de Contas da União no Estado do Maranhão irá coordenar Fiscalização de Orientação Centralizada (FOC) nos municípios maranhenses contemplados com verbas oriundas de pagamentos da diferença no cálculo da complementação devida pela União no âmbito do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério (Fundef).

Os objetivos da Fiscalização de Orientação Centralizada (FOC) são verificar se os recursos dos precatórios do Fundef recebidos pelos municípios foram utilizados exclusivamente para a manutenção e desenvolvimento do ensino fundamental, se foi obedecida a vedação a pagamentos de honorários advocatícios com esses recursos e se foi afastada a subvinculação estabelecida no artigo 22, da Lei 11.494/2007 (Lei do Fundeb).

As fiscalizações serão realizadas nos estados de Alagoas, Amazonas, Bahia, Ceará, Maranhão, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe.

No caso maranhense, o Tribunal de Contas do Estado (TCE), o Ministério Público de Contas (MPC) e o Ministério Público Estadual (MPE) atuarão em conjunto com o TCU na definição dos parâmetros e da metodologia que serão utilizados no desenvolvimento dos trabalhos de fiscalização.

Como parte das atividades de preparação das FOCs começou hoje, 08/08, em Brasília/DF, Workshop/Painel de Referência promovido pelo TCU com representantes dos tribunais de contas e outras instituições dos estados em que as auditorias coordenadas devem ocorrer.

O evento terá duração de dois dias e na programação constam temas fundamentais ligados à atuação dos órgãos de controle externo no caso de recuperação dos créditos do Fundef. A intenção é debater e formular estratégias que permitam atuação cada vez mais eficaz das instituições na defesa de um entendimento que é compartilhado por todas as instituições que participam desse processo: os recursos do Fundef devem ser aplicados exclusivamente na educação.

Para que se tenha uma idéia do volume de recursos envolvidos na recuperação de créditos do Fundef, cálculos feitos pelo TCU estimam que eles são da ordem de 95 bilhões de reais, sendo que aproximadamente vinte por cento desse total poderia se destinado ao pagamento de honorários advocatícios, o que representaria uma perda de 19 bilhões de reais em recursos que deveriam ser aplicados na educação.

No Painel de Referência que acontece em Brasília/DF, um dos pontos de destaque é a análise da Representação apresentada em conjunto pelo Ministério Público Federal (MPF/MA), Ministério Público Estadual (MPE/MA) e Ministério Público de Contas (MPC), órgãos integrantes da Rede de Controle da Gestão Pública no Maranhão, que alcançou resultados efetivos em relação à recuperação de créditos do Fundef e sua aplicação exclusivamente em educação.

O trabalho realizado pela Rede de Controle da Gestão Pública no Maranhão no caso da recuperação de reursos do Fundef foi reconhecido públicamente por diversos representantes de órgãos que participam do Painel de Referência, que destacaram a qualidade técnica das ações realizadas e o grau de efetividade alcançado.

O secretário do Tribunal de Contas da União no Maranhão, Alexandre Walraven, destaca a importância da atuação conjunta das instituições para que se consiga resultados que permitam aprimorar a qualidade das ações realizadas na área da educação e atender às inúmeras demandas da sociedade brasileira nesse campo. “Estamos diante de uma questão complexa, estratégica e de interesse nacional. Os recursos do Fundef, como determina a Constituição Federal, devem ser aplicados apenas na educação. Como órgãos de controle externo, devemos atuar de forma coordenada e efetiva para que prevaleçam o que a legislação determina, beneficiando a sociedade”, afirmou.

O TCE maranhense será representado no evento pelo conselheiro-presidente Caldas Furtado e pela procuradora do Ministério Público de Contas (MPC) Flávia Gonzalez Leite. Caldas Furtado afirmou que as auditorias coordenadas serão fundamentais para identificar se os recursos oriundos da recuperação de créditos do Fundef estão sendo corretamente aplicados e cumprindo a sua finalidade. “A realização dessas auditorias demonstram o quanto nossas instituições estão voltadas para a defesa dos princípios legais que orientam a correta aplicação dos recursos públicos. Sempre atuaremos com rigor e efetividade nesse sentido.”, destacou.

Prefeitura asfalta mais ruas em vários pontos da cidade de Santa-Helena-Ma.

Um convênio entre a Prefeitura de Santa Helena e o Governo Federal deu um grande passo para o avanço do povo helenense. A pavimentação que foi iniciada na rua 7 de setembro é mais uma das etapas do processo de urbanização que a gestão do prefeito Zezildo Almeida está promovendo na cidade, proporcionando mais mobilidade e qualidade de vida aos moradores.

A prefeitura está ampliando as obras de infraestrutura urbana. Estão em andamento na cidade serviços de pavimentação, imprimação do solo para colocação do asfalto e construção de meios-fios.

As intervenções na rua 7 de setembro integram ações da parceria entre a Prefeitura de Santa Helena e o Governo Federal. A iniciativa inclui implantação de pavimentação em várias vias, contemplando bairros de toda a cidade.

Prêmio Promotor Parceiro da Ouvidoria.

Membros do MPMA são premiados

Em cerimônia realizada na manhã desta segunda-feira, 6, na sede da Procuradoria Geral de Justiça, em São Luís, a Ouvidoria do Ministério Público do Maranhão reconheceu o trabalho de três promotores de justiça que atuam para responder as demandas dos cidadãos com resolutividade e rapidez.

Os promotores de justiça Benedito de Jesus Nascimento Neto, mais conhecido como Benedito Coroba (Vargem Grande), Laura Amélia Barbosa (São Bento) e Guilherme Goulart Soares (Barreirinhas) foram premiados em 1º, 2º e 3º lugar, respectivamente. Essa foi a quarta edição do “Prêmio Promotor Parceiro da Ouvidoria”.

Na avaliação do procurador-geral de justiça, Luiz Gonzaga Martins Coelho, a Ouvidoria do MPMA cresceu muito, ampliando o atendimento ao público e garantindo resolutividade ou encaminhamento necessário para as demandas registradas.

“A Ouvidoria é a porta de entrada das reclamações e, em um momento em que a transparência é uma exigência da sociedade, as respostas prestadas ao cidadão fortalecem o diálogo e o trabalho ministerial”, avaliou Gonzaga.

Em seguida, a ouvidora do MPMA, procuradora de justiça Rita de Cássia Maia Baptista, destacou que o trabalho desenvolvido pelo órgão tem alcançado avanços importantes, credenciando o Ministério Público maranhense a ter uma das Ouvidorias mais eficazes do Brasil. “Nossos canais de comunicação foram ampliados e, atualmente, o cidadão tem várias opções de atendimento disponíveis”, explicou.

Os interessados em registrar demandas ou reclamações podem entrar em contato por meio de carta, telefone, WhatsApp, site do Ministério Público, e-mail, facebook, instagram, twitter e pelo aplicativo móvel MPMA Cidadão.

“Somos parceiros dos promotores de justiça. Esclarecemos, contudo, que o cidadão, ao nos procurar, está fazendo um pedido e tem direito a uma resposta”, afirmou a ouvidora.

Ao agradecer a premiação, a promotora de justiça Laura Amélia Barbosa lembrou o trabalho dos servidores e o comprometimento da equipe em atender bem e de forma eficaz às demandas dos cidadãos, por meio da Ouvidoria. “Quando a Promotoria de Justiça é questionada sobre uma demanda significa que um cidadão buscou o apoio da Ouvidoria. Precisamos dar uma resposta”.

A solenidade foi acompanhada por membros da Administração Superior e por servidores do Ministério Público.