Máscaras de proteção facial produzidas pelo IFMA campus Pinheiro são doadas à Secretaria de Saúde

Professores do Campus Pinheiro do Instituto Federal do Maranhão (IFMA) estão produzindo máscaras de proteção facial não descartáveis para os profissionais de saúde que atuam na identificação e no tratamento de pacientes infectados com o novo Coronavírus, causador da doença Covid-19.

A iniciativa é do professor Claudomir e do diretor Vandeberg Araújo e ocorre no âmbito do projeto Fábrica de Inovação com a produção sendo realizada por meio de uma impressora 3d.

As primeiras unidades produzidas foram entregues à Secretaria de Saúde de Pinheiro.

É necessário apenas a higienização adequada. O protetor deve estar íntegro, limpo e seco para poder ser usado várias vezes durante o mesmo plantão pelo mesmo profissional por até 12 horas, conforme definido pela Comissão de Controle de Infecção Hospitalar. Outra informação é que o uso de protetores faciais não dispensa o uso de máscaras e nem dos demais Equipamentos de Proteção Individual (EPIs).

As máscaras serão utilizadas em todas as unidades de saúde do município pelos profissionais de saúde. “O Brasil vive dias desafiadores, o sucesso do enfrentamento depende de todos nós. Em nome da Secretaria de Saúde agradeço ao professor Vandeberg pela relevante atitude, e que outras instituições sintam-se motivados a colaborar”, afirmou o secretário de saúde de Pinheiro, Fred Lobato. “Essa guerra é nossa, venceremos juntos”, completou.

Deixe uma resposta