INSEGURANÇA! Mais uma clínica é alvo de assaltantes em Pinheiro-MA

Mais um caso de assalto em clínica foi registrado em Pinheiro. A nova ocorrência se deu na CoifeOdonto na Rua Luis Domingues, no centro da cidade, por volta do meio dia desta terça-feira(21).

Segundo o que foi apurado, criminoso chegou ao estabelecimento em uma motocicleta Bros de cor vermelha sem placa, com uma arma de fogo em punho e anunciou o assalto.

Sob ameaça, pacientes e funcionários foram obrigados a entregar seus pertences, como aparelhos celulares, relógios e dinheiro.

A Polícia Militar foi acionada e realizou rondas, mas nenhum suspeito foi preso.

Tivemos a informação extra-oficial que o mesmo assaltante com as mesmas características já realizou 3 assaltos em Pinheiro somente nesta terça-feira.

Alguns meses tivemos o assalto na clinica do Dr Rui e ate o presente momento ninguém foi preso.

Polícias Civil e Militar do Maranhão deixam de divulgar fotos e nomes de suspeitos presos

Desde o início do mês de janeiro, as polícias Civil e Militar do Maranhão pararam de divulgar nomes e fotos de suspeitos presos. A decisão visa cumprir o que determina a Lei de Abuso de Autoridade (nº 13.869/2019), que entrou em vigor no último dia 3 da janeiro, após 10 anos de debates no Congresso Nacional.

Em entrevista o delegado-geral adjunto da Polícia Civil do Maranhão, Márcio Araújo, afirmou que o órgão público tem que fazer o que a lei permite, portanto, todas as condutas tipificadas como crime na Lei nº 13.869/2019 estão vedadas. A não divulgação de fotos e nomes de suspeitos tem como base o art. 13 da nova lei, o qual aborda sobre a proibição de constranger o preso/detento à exibição pública. Segundo a lei, essa conduta pode ser caracterizada como violência, grave ameaça ou redução de capacidade de resistência.

“Conforme o art. 38 da Lei 13.869/2019 é crime ‘antecipar o responsável pelas investigações, por meio de comunicação, inclusive rede social, atribuição de culpa, antes de concluídas as apurações e formalizada a acusação’. Neste sentido, tal situação só seria permitida após a denúncia, segundo a doutrina”, explica o delegado-geral adjunto.

O delegado afirma que a Polícia Civil do Maranhão já discutiu e repassou as orientações internas quanto à referida legislação e irá publicar, internamente, uma recomendação a todos os integrantes do órgão, para que a lei seja obedecida. Mas, ele ressalta que a lei dificulta, em partes, o trabalho da polícia.

“Dificulta a partir do momento que ela restringe, durante a investigação, a comunicação pública com identificação civil e fotográfica de pessoas que poderiam estar atreladas a outros crimes ou até mesmo o reconhecimento pessoal por outras vítimas ou testemunhas”, declarou o delegado Márcio Araújo.

O  coronel Aritanã Lisboa, o qual é comandante do Comando de Policiamento de Área Metropolitana – 2 (CPAM 2). O coronel afirmou que a Lei de Abuso de Autoridade requer dos agentes púbicos mais cautela na prática de suas funções.

“A lei exige mais cuidado dos agentes públicos no exercício de funções, principalmente de juízes, promotores e policiais. Pois obriga tais agentes a ter mais cautela quando forem interferir diretamente na vida de terceiro, como, por exemplo, na decretação de medida de privação de liberdade, no caso específico de membros do Judiciário”, explica Aritanã Lisboa.

Ainda de acordo com o coronel, a Polícia Militar do Maranhão já atuava na formação do policial baseada na defesa da dignidade da pessoa humana. O que será mudado, a partir da nova lei, é sobre a divulgação de imagens e nomes dos presos.

“A Polícia Militar do Maranhão na formação do seu policial já aborda como principal pilar a defesa da dignidade da pessoa humana, bem como o respeito aos direitos humanos. Logo, poucas condutas serão mudadas, a principal delas será a não divulgação dos suspeitos presos em flagrante, que antes serviam para que a comunidade, quando vítima ou testemunha, reconhecesse e procurasse a autoridade policial, o que facilitava nas investigações e elucidações rápidas de crimes, porém após a vigência da lei, tais informações não mais poderão ser compartilhadas para que o policial não cometa o delito de abuso de autoridade, com a exposição do preso em flagrante, com seu juízo de culpa antecipada, além da exposição pública”, informou o comandante do CPAM 2.

Um policial militar, que preferiu não se identificar, declarou que a lei afeta negativamente as ações de segurança.

“Essa lei chegou para impactar diretamente nas ações da segurança pública, isso de forma negativa, pois priva o policial de alertar, prevenir e identificar para a população as ações de criminosos, tornando isso crime para nós, agentes de segurança pública”, declarou.

Outra policial militar, que também não quis se identificar, afirma que Lei de Abuso de Autoridade coloca o policial em uma situação complicada.

“Alguns termos da nova lei tem conceito genérico e cabíveis de interpretações o que retarda e até omite a ação do policial, pois ficamos em uma linha tênue entre omissão e ação. A Lei de Abuso de Autoridade dita uma nova postura das ações policiais diante da criminalidade, e, nessa conta, somatiza a inversão de valores e limitações de defender a sociedade daqueles que os atacam”.

Lei de abuso de autoridade

A Lei nº 13.869/2019 foi aprovada pelo Congresso Nacional no mês de agosto do ano passado e foi sancionada pelo presidente  Jair Bolsonaro (sem partido) em setembro. O texto define cerca de 30 situações que configuram o abuso, além das punições correspondentes à atuação de servidores e de integrantes dos Três Poderes (Executivo, Legislativo e Judiciário), que podem ser considerados como abuso de autoridade, além de determinar a forma como vai ocorrer o processo penal, a responsabilização e os efeitos da condenação pelas infrações.

Bandidos morrem em confronto com a Polícia Militar em Penalva-MA

Segundo informações repassadas pela polícia, quatro elementos em duas motos estavam assaltando pessoas e estabelecimentos comerciais no povoado Caru na zona rural do município de Viana.

A polícia foi informada da ação dos bandidos e de imediato viaturas de Penalva, Matinha e Viana fizeram o cerco na região para prender os meliantes.

No povoado Ludovico, próximo ao povoado caminho Novo, que por sua vez é próximo ao povoado São Joaquim todos na zona rural de Penalva, eles foram localizados, dois deles conseguiram se esconder no matagal enquanto os outros dois trocaram tiros com a polícia sendo eles alvejados, eles foram socorridos sendo levados para o hospital de Penalva mais não resistiram e morreram.

A polícia informou a redação do blog que eles estavam sem documentos de identificação, e os corpos ainda se encontram no necrotério do hospital à espera de reconhecimento.

Com os dois que tombaram a polícia encontrou dois celulares, dois relógios e a quantia de 800 reais, além de dois revólveres municiados.

Por Daniel Santos.

A impunidade tomou conta da cidade e mais um inocente é morto em Pinheiro-MA

A criminalidade em Pinheiro cresce a cada ano, é muito comum quase que todos os dias noticias de homicídios, latrocínios dentre outros crimes sendo divulgados em vários meios de comunicações.

Nesta segunda-feira(06), Raimundo Nonato Diniz de 37 anos de idade conhecido como Santinho, foi mais uma vitima dessa onda crescente de crimes.

Dois assaltantes roubaram a sua moto CB Twister vermelha na travessa são pedro no bairro João Castelo, efetuaram dois disparos de arma de fogo contra a vitima.

Raimundo, foi socorrido e levado ao hospital Antenor Abreu, logo em segunda transferido para o Macro regional regional Dr Jackson Lago, mas infelizmente não resistiu e morreu.

Os bandidos estavam em uma moto XTZ Yamaha preta, deixada por eles após pegarem a CB Twister 250 da vítima.

A policia trabalha agora com hipótese de latrocínio (Roubo seguido de morte), o caso está nas mãos da policia civil de Pinheiro.

Veículo com policiais capota na BR-222 entre as cidades de Arari e Vitória do Mearim.

Um acidente do tipo capotamento foi registrado na tarde de domingo (05), no trecho entre as cidades de Arari e Vitória do Mearim.

O veículo envolvido no acidente foi identificado como sendo uma viatura descaracterizada da Polícia Militar do Maranhão. Os ocupantes foram identificados como coronel Arquimedes Silva Brito e o soldado Kainan Santana Silva Brito.

Segundo as informações, o veículo derrapou em uma curva e acabou capotando e em seguida saiu da pista. No momento do acidente, chovia bastante.

As vítimas sofreram apenas ferimentos leves.

Publicado por Mayara Sarayva

Em Paulino Neves, populares incendeiam ambulância e espancam motorista que atropelou e matou mulher

Barbárie em Paulino Neves, na região dos Lençóis Maranhenses, na manhã desta quinta-feira (5). Uma ambulância do hospital de Tutóia foi incendiada e o motorista do veículo foi cruelmente espancado por populares após atropelar uma mulher que fazia caminhada em uma das vias do município vizinho.

A vítima era mãe de uma técnica de enfermagem da Secretaria Municipal de Saúde de Paulino Neves. A morte trágica causou comoção em toda a população da cidade.

A ambulância foi totalmente destruída pelas chamas e o motorista atropelados foi encaminhado ao hospital com múltiplas lesões. A polícia investiga o caso.

Dupla é presa após assaltar e fazer reféns em agência dos Correios de São Bento-MA

A Polícia Militar efetuou, na tarde desta terça-feira (03), a prisão de dois homens que assaltaram e fizeram reféns na agência dos Correios em São Bento-MA.

Com Manoelson George Oliveira Pereira e Claubert da Silva dos Santos, os policiais apreenderam um revólver calibre 38, munições e dinheiro.

Os policiais chegaram aos Correios durante a ação criminosa, após o botão de emergência da agência ter sido acionado. Após cercar o local, para evitar aproximação de populares, a polícia fez a negociação com os assaltantes, que soltaram cinco reféns de imediato. Logo depois, todos os funcionários foram liberados, e os assaltantes se entregaram.

De acordo com a polícia, Manoelson Pereira e Claubert dos Santos serão encaminhados para o presídio de Pinheiro, onde ficarão à disposição da Justiça.

Ex-prefeito de Cururupu-MA é preso por crimes de peculato

A Polícia Civil do Maranhão, através da Superintendência de Polícia Civil do Interior (SPCI), cumpriu na segunda-feira (25) um mandado de prisão contra José Francisco Pestana, de 63 anos, ex-prefeito da cidade de Cururupu, a 465 km de São Luís.

Segundo a polícia, o mandado de prisão que foi cumprido em Cururupu refere-se a três sentenças condenatórias transitadas em julgado, com soma de penas que chega a 19 anos de reclusão por desvio de verbas públicas, peculato, fraude à licitação e outros crimes.

O ex-prefeito José Francisco Pestana foi autuado e vai ficar à disposição da Justiça do estado Maranhão.

Leonardo Sá confirma que SAF executará sua emenda para recuperação de estradas vicinais em Pinheiro

O deputado estadual Dr. Leonardo Sá (PL) anunciou, nesta terça (19), que a emenda parlamentar no valor R$250mil, onde destinou à recuperação das estradas vicinais de Pinheiro, foi liberada pelo governador, Flávio Dino (PCdoB), e a ordem de serviço assinada pelo secretário, Júlio César Mendonça, pois será executada através da Secretaria de Estado de Agricultura Familiar (SAF).

Nos próximos dias, a empresa contratada executará a obra que beneficiará milhares de famílias pinheirenses e facilitará a agricultura familiar na zona rural do município.

“Estamos atendendo a uma solicitação do deputado Leonardo Sá, pois nossa missão é justamente de melhorar a trafegabilidade de quem produz os alimentos. Parabéns a cidade de Pinheiro por estar recebendo mais uma obra de importante cunho social”, declarou o secretário.

O deputado acompanhará a execução da obra, assim como estará no dia da inauguração para ver sua emenda parlamentar sendo usufruída de fato por toda a população.

“Fico muito feliz em saber que as estradas vicinais de Pinheiro serão recuperadas em breve, e agradeço tanto ao secretário, Júlio, por já ter assinado esta ordem de serviço, bem como também ao governador, Flávio Dino, por ter liberado esta emenda”, afirma o deputado.

Ascom-Deputado Estadual Dr. Leonardo Sá.

Mais uma motocicleta roubada é recuperada pela Polícia Militar de Pinheiro.

Uma motocicleta com registro de furto/roubo foi recuperada pela Polícia Militar de Pinheiro, nesta segunda-feira(18), por volta das 11h00.

A Polícia Militar recebeu a informação via telefone que na Rua Dom Pedro l, casa 105, bairro Kiola Sarney ( Oficina do Gordo ), o proprietário Moacir Marcel Pereira Fernandes de uma moto Bros de cor preta, chassi 9C2KD0800FR065498, sem placa roubada, há uns 15 dias, havia achado o seu veículo na oficina do cidadão conhecido como “Gordo “.

A guarnição ao chegar no local constatou a veracidade do fato. O senhor Wagner “Gordo” relatou que um indivíduo desconhecido, havia deixado a moto em sua oficina, dizendo que mais tarde vinha buscar.

Após a confirmação de que o senhor Moacir é o proprietário da moto roubada, fez a entrega do referido veículo ainda no local.