GAECO e Polícia Civil realizam operação de busca e apreensão em São Luís, Governador Nunes Freire, Santa Helena, Turilândia e Zé Doca.

O Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (GAECO) realizou, na manhã desta terça-feira, 15, a Operação ” Quarto Feliz”, em parceria com a Polícia Civil, para o cumprimento de mandados de busca e apreensão, expedidos pelo juiz Francisco Ronaldo Maciel Oliveira, titular da 1ª Vara Criminal da Comarca da Ilha, Termo Judiciário de São Luís/MA (Organizações Criminosas), cumpridos nas cidades de São Luís, Governador Nunes Freire, Santa Helena, Turilândia e Zé Doca.

A operação foi deflagrada no Procedimento Investigatório Criminal, instaurado pelo GAECO, para apurar possíveis práticas de crimes de corrupção, organização criminosa, desvio e subtração de dinheiro público, ocorridas no município de Governador Nunes Freire, entre 2013 e 2016, na gestão do ex-prefeito Marcel Everton Dantas da Silva, conhecido como Marcel Curió.

Além do ex-prefeito de Governador Nunes Freire, foram alvos da operação o atual prefeito do município, Josimar Alves de Oliveira; o candidato a prefeito de Turilândia Paulo Dantas Silva Neto, o Paulo Curió, irmão de Marcel; três vereadores e secretários municipais de Governador Nunes Freire, dentre outros investigados.

Durante as buscas em endereços residenciais dos investigados e em uma das empresas – em um total de 29 – foram apreendidos documentos, veículos de luxo, 30 mil reais em cheques, computadores, tablets, celulares e notebooks. Destaca-se que ainda foi apreendido 9 mil reais em espécie na casa do ex-secretário de educação do município de Governador Nunes Freire, João Marinho, além de um cheque nominal no valor de 400 mil reais na casa do atual prefeito  em nome do atual secretário municipal de finanças, Stefano Andrey Brandão Guida, tendo este sido conduzido à delegacia para lavratura de TCO por ter assumido a propriedade de substância entorpecente, encontrada na casa do prefeito, local em que estava no momento da busca. Além disso, na operação duas pessoas foram presas por posse ilegal de arma.

De acordo com informações da Promotoria de Santa Helena, na casa de Ubirauna Cardoso Miranda, proprietário do laboratório CDA na cidade de Turilândia, foram apreendidos 16.800 reais em espécie, cinco aparelhos celulares, dois computadores, um veículo Corola e vários documentos. Já com a proprietária da empresa GRB Nunes e BSN Farmácia LTDA, em Santa Helena, foram apreendidos 13 mil reais em espécie, além de 5 veículos, sendo um Camaro, um jet ski, uma caixa com 24 relógios e joias.

INVESTIGAÇÕES

A investigação apura contratações milionárias, decorrentes de procedimentos licitatórios fraudulentos, firmadas entre a Prefeitura de Governador Nunes Freire e as empresas R.F. de Abreu Pereira EPP (RM DISTRIBUIDORA), G.R.B. NUNES- EPP e L&F COMÉRCIO E SERVIÇOS LTDA.

O suposto esquema era operado a partir do uso das empresas de fachada R.F. ABREU, L&F COMÉRCIO e G.R.B. NUNES, que não possuíam lastro econômico e atividade comercial efetiva para firmar contratos com a Prefeitura, com valores de R$ 22.361,018,36 e R$ 19.945.663,73, conforme apurado nos contratos efetuados com a empresas L&F COMÉRCIO e G. R.B. NUNES.

Além dos Promotores de Justiça que integram o Gaeco, participaram da Operação a promotora de justiça Rita de Cássia Sousa, titular da promotoria de Zé Doca, que atualmente responde pela promotoria de justiça da Comarca de Governador Nunes Freire; e o promotor de justiça Hagamenon de Jesus Azevedo, titular da Comarca de Santa Helena. A Operação envolveu, ainda, 27 equipes da Polícia Civil, compostas por delegados, investigadores e escrivães.

Presos suspeitos de torturarem e matarem piauense no Maranhão; execução foi filmada e divulgada em redes sociais

Nessa quarta-feira (9), a Polícia Civil do Maranhão prendeu seis pessoas suspeitas de terem participado da morte de Alex Lima, de 30 anos, que foi torturado e morto na cidade de Timon, na região leste do Maranhão, no dia 3 de maio deste ano.

Alex foi executado com um tiro na boca, e a morte foi filmada pelos autores, que depois divulgaram o homicídio nas redes sociais. Segundo a polícia, os seis suspeitos presos são integrantes de uma organização criminosa que atua na cidade de Timon.

De acordo com as investigações, realizadas pela Delegacia de Homicídios de Timon, Alex Lima e dois amigos, todos moradores da zona norte de Teresina, no Piauí, foram para o residencial Lourival Almeida, na cidade de Timon, em um veículo.

Eles estavam à procura de familiares e acabaram se perdendo durante o trajeto. Alex desceu do carro, para auxiliar o motorista que realizava uma manobra no veículo, nesse momento, homens armados tentaram contra o carro das vítimas, com disparos de arma de fogo.

As duas pessoas que estavam dentro do carro conseguiram fugir, já Alex foi segurado pelos criminosos. A vítima foi torturada e teve sua execução filmada e divulgada em redes sociais.

O vídeo mostra Alex Lima sendo morto com um tiro de espingarda na boca. Enquanto matavam a vítima, os criminosos mencionavam o nome da facção a que pertencem.

O vídeo chegou aos familiares de Alex, que procuraram a Delegacia de Homicídios e, após longa investigação na mata, os policiais encontraram o corpo da vítima enterrado.

Durante as investigações, foram identificados e presos os suspeitos de serem executores e os mandantes do crime. Segundo a Polícia Civil, dentre eles, há um que é considerado líder de uma facção criminosa no estado do Piauí. Os outros suspeitos também possuem liderança no grupo.

Os seis homens presos foram conduzidos ao Presídio Jorge Vieira, na cidade de Timon, onde aguardarão decisão da Justiça.

Polícia Militar apreende em Bequimão 1.000 caixas de cigarros, 04 veículos, arma de fogo com munições e uma quantia em dinheiro de R$ 12.747,00

Ações contra a criminalidade no município de Bequimão-MA, rendeu na condução e prisão de 05 pessoas para a delegacia. Nesta operação realizada por policiais militares do Grupo de Operações Especiais do 10º BPM, fora apreendido ainda 04 veículos, 01 revólver, entorpecentes, 04 celulares, 1000 caixas de cigarros e a quantia de R$ 12.747,00 (Doze mil setecentos e quarentena e sete reais.

A operação idealizada pelo GOE do 10º BPM procedeu por meio de um policiamento preventivo e ostensivo, culminando na detenção e depois na prisão dos suspeitos. A ação aconteceu nesta terça-feira (08), por volta das 18:00hs e finalizada por volta das 10:30hs, no Povoado Quindiua, Bequimão-Ma.

Com os suspeitos foram apreendidos 05 veículos, sendo eles:
Um caminhão modelo Wolkswagem, de cor prata; caminhão modelo Mercedes 1620, na cor azul e placas HTX1241; um veículo modelo Fiat argo, de cor branca, placas RFK2g27; uma D20, de cor vermelha e placas JDS1508; 01 revolver modelo 38 de numeração: kb409548, com 06 municões intactas. 01 pulseira dourada; 02 anéis dourado; 01 cinto; 04 celulares; 1000 caixas de cigarro da marca Record e a quantia de R$ 12.747,00 (doze mil setecentos e quarentena e sete reais).

Após serem ouvidos pelas autoridades competentes, eles foram autuados nos crimes de Porte ilegal de arma de fogo/ associação criminosa e descaminho.

URGENTE: NOTA DE ESCLARECIMENTO

O editor chefe do Blog Passando a Limpo, por meio desta nota oficial, vem a público repudiar informações compartilhadas a partir de uma publicação de nossa autoria “Eleição 2020: Veja os favoritos em algumas das cidades na região da Baixada Maranhense” no qual aproveitadores e sem ética profissional estão realizando “Montagens” na tentativa de ludibriar a população.

Esclarece que essas matérias republicadas por terceiros visam única e exclusivamente tentar confundir os leitores, bem como prejudicar o Blog Passando a Limpo.

O Blog Passando a Limpo afirma que, em momento algum, autorizou que pessoas ligadas ao pré-candidato, Jurandir na cidade de Santa Helena, realiza-se a retirada de qualquer informação. A republicação é normal desde que seja devidamente concedido os créditos a verdadeira fonte.

Informa que a reportagem a cima citado foi elaborada em uma semana de estudo, com pesquisas, conversando com a população e pessoas ligadas ao meio de comunicações. Tudo que foi publicado é suposições, não afirmamos nada e a mesma não tem ligação com nenhum dos pré-candidatos mencionados.

Torna púbico que, a matéria com quase 30 mil acesso, faz parte da nossa credibilidade e é muito comum reportagens com essa finalidade, uma matéria sugestiva com o intuito de ajudar o eleitorado na sua escolha.

Nosso departamento Jurídico ficará atento com essa situação contra todas aquelas pessoas identificadas como sendo as propagadoras da falsa notícia.

Apesar de extrema, o Blog Passando a Limpo considera a medida necessária, tendo em vista de que a reputação, honradez e a dignidade de pessoas de bem foram colocadas em xeque, através da propagação de informações mentirosas e irresponsáveis.

Vale lembrar, ainda, que cada pessoa pode ter acesso a verdadeira matéria através do nosso site http://kelsonvinicius.com.br ou pelo Blog Passando a Limpo.

Publicado por: Blog Passando a Limpo em 02/09/2020

Polícia Civil realiza operação Pecus e cumpre 29 mandados de prisão, 36 de busca e apreensão e prende 5 pessoas em flagrante em Pinheiro e região.

A Polícia Civil do Maranhão realizou, na madrugada de hoje (21), a operação Pecus, em sete cidades da baixada e na capital maranhense, com a finalidade de cumprir trinta e três Mandados de Prisão e trinta e seis de Busca e Apreensão em desfavor de integrantes de facção criminosa responsáveis pelo crime de Tráfico de Drogas em municípios da baixada maranhense.

Conforme a equipe, a investigação teve início ainda no ano de 2019, sendo possível imputar ao grupo criminoso o cometimento de diversos crimes de Roubo e de pelo menos três Homicídios, em atividade típica de Organização Criminosa.

O grupo criminoso atua nos municípios de Pinheiro, São Bento, Central do Maranhão, Guimarães, Mirinzal e Turilândia, além da capital São Luís, locais onde a operação de hoje foi executada.

O nome da operação se deve ao fato de que, segundo a investigação, nas ações de traficância, os investigados simulavam comercializar gado para dar a aparência de legalidade em suas transações.

A investigação foi coordenada pelo Departamento de Combate ao Crime Organizado (DCCO/SEIC) e a operação de hoje contou com a participação das demais superintendências _ Superintendência Estadual de Combate ao Narcotráfico (Senarc), Superintendência Estadual de Combate à Corrupção (Seccor), Superintendência de Homicídios e Proteção à Pessoa (SHPP), Superintendência de Polícia Civil da Capital e do Interior (SPCC e SPCI).

Durante o cumprimento das medidas cautelares foram presas cinco pessoas em flagrante pelos crimes de Tráfico de Drogas e Posse de Arma de Fogo.

Conforme os dados da Polícia Civil, a maior parte dos investigados já responde a processos criminais, notadamente por Tráfico de Drogas.

O delegado geral, Dr. Leonardo Diniz, considerou que a operação foi muito exitosa, pois em um único dia, foram retirados das ruas mais de vinte pessoas que vivem do cometimento de crimes. E foi possível ainda, com a apreensão de provas e objetos de crime, aumentar ainda mais a efetividade da Polícia Judiciária no combate às facções criminosas que tem se deslocado para o interior do estado do Maranhão.

A operação contou com a participação de cento e noventa policiais civis e cinquenta e sete viaturas. Diversos pertences do grupo criminoso foram apreendidos e serão analisados no sentido de identificar a participação de outros criminosos.

Após os procedimentos de praxe os investigados foram encaminhados às unidades prisionais, onde aguardarão à disposição do Poder Judiciário.

Polícia Civil realiza mega operação em Pinheiro e mais cinco municípios maranhenses

A Superintendência Especial de Investigação Criminal está realizando uma mega operação neste momento em São Luís, Pinheiro, Turilândia, Mirinzal, Central do Maranhão e Maracaçumé. O objeto de investigação é o tráfico de drogas. No total já foram cumpridos 20 prisões, dentre eles um policial reformado que estava em posse armamento pesado.

A Polícia Civil tem a missão de cumprir 30 mandados de prisão e mais 36 mandados de busca e apreensão.

Aguarde mais informações…

 

Por Diego Emir.

Após assalto, suspeito morre em troca de tiros com a PM na cidade de Pinheiro-MA

A policia militar de Pinheiro recebeu via denúncia anônima que dois “Assaltantes” em uma motocicleta Honda Titan, estariam realizando assalto na cidade, por volta das 22:00hs na noite desta quarta-feira (19), e que os mesmos efetuaram vários disparos de arma de fogo nas proximidades do bairro Santa Luzia.

De posse da denúncia a Guarnição da Força Tática deslocou-se para o local a cima citado, ao chegar os policias avistaram dois indivíduos em situação suspeita, ao tentar se aproximar para realizar os procedimentos de abordagem, a dupla saiu em alta velocidade e efetuando disparos contra os PMs.

A Guarnição logo revidou a injusta agressão, efetuando disparos contra os indivíduos. Um dos suspeitos foi atingindo na região do tórax o outro conseguiu fugir.

A Policia Militar acionou a equipe do SAMU para prestar atendimento ao ferido que foi socorrido e encaminhado ao Hospital Antenor Abreu, o mesmo não resistindo ao ferimento veio a óbito na unidade hospitalar.

Com ele foi apreendido um revólver calibre 38 taurus, a mesma foi apresentada e entregue a Delegacia Regional de Pinheiro, para os procedimentos necessários.

Carros com sons automotivos são apreendidos por poluição sonora em praias de São Luís

Sete veículos com sons automotivos foram apreendidos pelo Ministério Público do Maranhão (MPMA) por poluição sonora nas praias do Olho D’Água, Meio e Araçagi, nos limites de São Luís e São José de Ribamar, na tarde e noite deste domingo (16). As apreensões fazem parte da Operação Harpócrates, nome que faz alusão ao Deus do Silêncio na mitologia grega.

Os proprietários foram presos em flagrante e liberados após o pagamento de fiança de R$ 5 mil. Todos vão responder processo pelos crimes cometidos. Devido à poluição sonora, que é crime ambiental, os donos foram ainda multados. Os veículos foram liberados posteriormente, mas os equipamentos de som permanecem custodiados no Ministério Público. Na ocasião, um cidadão foi preso por desacato a agente público.

A Operação Harpócrates também teve a finalidade de combater o tráfico de drogas e a venda de bebidas alcoólicas a menores de 18 anos nas praias. “O nosso objetivo foi coibir poluição sonora automotiva, o tráfego irregular de veículos no litoral da ilha e outras atividades ilegais relacionadas a estes crimes”, completou Cláudio Guimarães.

A mobilização teve início às 16h e foi encerrada às 3h da madrugada ddessa segunda-feira (17). Além de membros do Ministério Público, a Harpócrates contou com mais de 80 agentes públicos das polícias Civil e Militar, Corpo de Bombeiros, Secretarias Municipais de Trânsito e Transporte (de São Luís e de São José de Ribamar) e Instituto de Criminalística do Maranhão (Icrim).

Preso casal suspeito de participar do latrocínio contra os pais do deputado Cléber Verde

A Polícia Civil do Maranhão (PC-MA) informou que foram presos neste domingo (19), um casal suspeito de participar do latrocínio dos pais do deputado federal Cléber Verde (Republicanos), em uma fazenda no interior do Maranhão na terça-feira (14). A prisão foi realizada na zona rural do município de Turiaçu, a 154 km de São Luís.

Após a prisão, o casal foi levado para a delegacia para prestar depoimento. Segundo a polícia, o caso ainda continua em investigação pela Superintendência de Homicídios e Proteção à Pessoa (SHPP) e ainda não foi descartado o envolvimento de mais pessoas no crime.

Na sexta-feira (17), um adolescente de 19 anos, que confessou a participação no crime foi preso pela polícia em uma casa no bairro Araçagy, localizado no município de São José de Ribamar, na Região Metropolitana de São Luís. No momento da prisão, o homem estava na companhia de uma mulher.

Inicialmente, ambos informaram à polícia que eram do município de Cândido Mendes e não tinham conhecimento do crime. Após uma triagem, a polícia constatou que o homem era ligado a um dos suspeitos do crime.

Em seguida, o suspeito confessou que participou do latrocínio e que havia sido convidado para participar do assalto na fazenda Boa Vista. O convite foi feito por Fábio Cardoso, o ‘Fabinho’, que morreu em um confronto com a polícia horas após o crime.

O duplo homicídio

O crime aconteceu no fim da tarde dessa terça-feira (14). A mãe e o pai do deputado federal Cléber Verde (Republicanos) estavam sozinhos na fazenda em que moram, em Turiaçu, quando foram mortos.

Graça Cordeiro Mendes tinha 70 anos foi morta dentro da fazenda com golpes de arma branca e pauladas. Já o pai do deputado, Jesuíno Cordeiro Mendes, foi morto a tiros e arma branca. O corpo dele foi encontrado na manhã desta quarta (15), em uma área de matagal.

“A mãe morreu no interior da residência. Já o pai se encontrava trabalhando em uma cerca, fazendo reparos, quando deve ter ouvido barulhos e tentou se aproximar da casa e, certamente, foi atingido e tentou fugir da ação dos criminosos, caindo em uma área de matagal. Sendo encontrado já no dia de hoje”, explicou o secretário de Segurança Pública do Maranhão, Jefferson Portela.

Polícia prende suspeitos de divulgarem mídias pornográficas de adolescente em Miranda do Norte

Na manhã desta quarta-feira (15), a Polícia Civil do Maranhão prendeu quatro pessoas em flagrante delito, sendo três delas presas pelos crimes de armazenamento de mídias pornográficas de adolescente e também por divulgação dessas mídias.

As prisões foram feitas na cidade de Miranda do Norte, a 124 km de São Luís, durante a Operação Display, que tinha como objetivo cumprir vários mandados de busca e apreensão na casa de pessoas suspeitas de armazenarem e divulgarem mídias pornográficas de adolescentes na cidade e região, através de redes sociais.

Segundo a Polícia Civil, as investigações tiveram início após uma adolescente, de 16 anos, ter várias fotos e vídeos íntimos divulgados, nos últimos dias, em redes sociais.

Durante as investigações, a polícia identificou os suspeitos de serem autores do crime, os quais deverão responder pelos crimes de armazenamento de mídias pornográficas de adolescente e por divulgação dessas mídias. A somatória das penas desses dois crimes totaliza quase 9 anos de prisão.

Três dos quatro presos foram encaminhados ao presídio de Itapecuru Mirim. Já um quarto investigado, que foi preso por ter armazenado as mídias pornográficas, pagou fiança e foi liberado para responder o processo em liberdade.

Mais envolvidos

Segundo a polícia, há outras pessoas envolvidas nesses crimes. Algumas já foram identificadas, mas não foram presas por não terem sido localizadas durante a operação desta quarta.

A polícia destaca que qualquer pessoa que mantenha esse tipo de mídia armazenada em seu celular ou outro mecanismo de armazenamento, bem como faça o repasse a terceiros, independentemente de como tenha tido acesso ao material pornográfico, está cometendo crime.

A polícia pede que, as pessoas que tenham recebido esse tipo de material pelas redes sociais ou aplicativos de mensagens, denunciem de forma anônima, via redes sociais: Instagram (@polícia_civil-miranda-oficial) ou pelo WhatsApp (98 – 98465 2125), mandando prints das divulgações criminosas com o nome ou o número da pessoa que tenha divulgado, para que a polícia possa identificar e responsabilizar outras pessoas que tenham praticado o delito.