POLÍCIAS CIVIL E MILITAR DEFLAGRAM OPERAÇÃO CLAVA E EFETUAM A PRISÃO DE ASSALTANTES DE TRANSPORTE COLETIVO EM PINHEIRO – MA

A Polícia Civil do Estado do Maranhão, por intermédio da 5ª Delegacia Regional de Pinheiro, juntamente com Polícia Militar, através do Grupo de Operações Especiais e da Força Tática, na madrugada deste domingo (29/11/20), deflagraram operação CLAVA para capturar os autores do assalto ocorrido na quarta-feira (25/11/20) no povoado Pirinã/MA, quando 03 (três) indivíduos munidos com armas de fogo renderam o motorista de uma van que fazia o transporte coletivo de São Luís até Guimarães/MA.

Na ação criminosa, sob a mira dos assaltantes, os 09 (nove) ocupantes do veículo tiveram os bens pessoais subtraídos. Com a informação de que os autores estariam homiziados nos povoados Belo Monte e Santa Sofia, situados na zona rural de Pinheiro, as equipes policiais deslocaram-se aos sobreditos povoados onde localizaram e prenderam em flagrante 03 (três) indivíduos em posse de objetos ligados ao crime (bens subtraídos das vítimas e arma de fogo tipo espingarda utilizada no assalto).

Ademais, foi apreendida grande quantidade de droga em posse dos autores, vale dizer: 1,00 Kg (um quilograma) de maconha prensada; 1,1 Kg (um quilograma e cem gramas) de maconha solta e 02 (dois) pinos de cocaína.

Os presos foram autuados em flagrante pelo crime de tráfico de drogas, posse ilegal de arma de fogo de uso permitido e receptação, bem como serão investigados através de procedimento instaurado por portaria pelo delito de roubo circunstanciado.

Após as devidas comunicações, os presos foram encaminhados à Unidade Prisional de Pinheiro onde permanecerão à disposição da justiça. A investigação segue no sentido de recuperar o restante dos bens subtraídos como também apreender as armas de fogo tipo revólver utilizadas na empreitada criminosa.

OPERAÇÃO INTEGRADA PRENDE CASAL SUSPEITO POR TRÁFICO DE DROGAS EM SÃO JOAO BATISTA – MA

Na manhã desta quarta-feira (25), policiais militares do 36° BPM e policiais civis da Delegacia de São João Batista, realizaram uma operação que resultou na prisão de duas pessoas e na condução de dois menores por estarem envolvidos no tráfico de drogas no povoado Jamari na Cidade de São João Batista.

Segundo informações levantadas pelo serviço de inteligência da Polícia Civil e Militar, no Povoado estaria residindo um homem com mandado de prisão em seu desfavor pelo comprimento de diversos crimes, que no local funcionava como ponto de comercialização de entorpecentes e operava com várias pessoas conhecidas pela polícia com envolvimento do tráfico na região e de outros delitos.

Durante a ação a equipe policial foi recebida a tiros, onde três homens fugiram em direção a um matagal ,conseguindo assim escapar do cerco policial. No local foi preso um casal e feita a apreensão de um menor e uma menor de 15 e 17 anos respectivamente, todos envolvidos no tráfico. Com eles foram encontrados: 150 g de produto análogo a maconha, 150 g de material análogo a cocaína e um revólver calibre 38 com 06 (seis) munições intactas.

POLÍCIA CIVIL PRENDE TRÊS PESSOAS COM DROGA AVALIADA EM 200 MIL REAIS EM TURILÂNDIA – MA

A Polícia Civil do Maranhão, por meio da Superintendência Estadual de Repressão ao Narcotráfico (Senarc), prendeu nesta quarta-feira(25), no Município de Turilândia, três indivíduos suspeitos da prática do crime de tráfico de drogas. Na ação ainda foram apreendidos 6 “tabletes” da droga conhecida como crack, além de quantia em dinheiro.

A Polícia Civil informou que dentre os presos está um indivíduo que concorreu como candidato ao cargo de vereador no Município de Pinheiro nas últimas eleições.

Após denúncias do tráfico de drogas na região, a Polícia Civil montou estratégia de abordagens no âmbito do interior do estado de acordo com as informações recebidas e trabalhadas pela equipe.

Ao realizar abordagens nesta manhã no município de Turilândia, os suspeitos primeiramente não atenderam ao comando de parada e, além de tentar empreender fuga, resistiram em abrir os vidros do veículo em que estavam, chamando assim a atenção dos policiais.

Ao realizar revista no interior do veículo foi encontrado o entorpecente em uma sacola abaixo do banco traseiro e quantia em dinheiro em uma bolsa.

De imediato foi dado voz de prisão aos suspeitos e encaminhados à sede da SENARC para lavratura do auto de prisão em flagrante, pelos crimes de tráfico e associação para o tráfico.

POLÍCIA CIVIL DO MARANHÃO CUMPRE MANDADO DE PRISÃO POR TRÁFICO DE DROGAS E POSSE ILEGAL DE ARMA DE FOGO EM GOVERNADOR NUNES FREIRE

A Polícia Civil do Estado do Maranhão, deu cumprimento, na tarde desta terça-feira, 24 de novembro de 2020, a Mandado de Prisão Preventiva em desfavor de um homem suspeito dos crimes de Tráfico de Drogas e Posse Ilegal de Arma de Fogo praticados na cidade de Bacabal/MA.

O mandado foi expedido pela 1ª Vara criminal da Comarca de Bacabal e cumprido pela equipe da delegacia de Governador Nunes Freire, pertencente à 8ª Delegacia Regional de Zé Doca/MA. O suspeito passou pelos procedimento legais e foi encaminhado ao sistema prisional.

A Polícia Civil do Estado do Maranhão não mede esforços para desempenhar seu papel na aplicação da Lei.

Bandidos deixam gerente com explosivos ao corpo durante assalto a banco em Codó – MA

Durante o assalto a uma agência do Banco do Brasil, bandidos deixaram o gerente amarrado a explosivos em Codó, a cerca de 300 km de São Luís. O caso foi registrado na manhã desta terça-feira (17).

De acordo com o coronel Jurandy Braga, toda a família do gerente foi feita refém. A ideia dos bandidos era usar o gerente para sacar e entregar o dinheiro ao bando. No entanto, a polícia chegou na agência e os criminosos fugiram sem levar dinheiro.

“Colocaram um suposto artefato explosivo preso ao corpo dele. Ele veio para o banco, a mando dos bandidos, para sacar dinheiro e dar para eles”, afirmou o coronel.

Após a chegada da polícia, o gerente ainda ficou esperando por horas, dentro da agência, com as bombas coladas ao corpo, porque o batalhão da cidade não possui especialistas em desarmamento de explosivos. No início da tarde, os especialistas chegaram de São Luís e retiraram as bombas.

A família do gerente também foi resgatada, na zona rural de Codó. Até a tarde desta terça-feira (17), a Polícia Militar ainda procurava pelos assaltantes.

Operações em municípios maranhenses conseguem coibir práticas criminosas durante as eleições

A atuação conjunta do Ministério Público do Maranhão, Polícias Civil e Militar e Poder Judiciário em municípios maranhenses para coibir a ocorrências de crimes durante o processo eleitoral resultou em prisões e apreensões em vários locais. Em São Luís Gonzaga, por exemplo, foram feitas duas autuações por tentativa de compra de votos, em ação que teve a participação do promotor de justiça Gustavo de Oliveira Bueno, que atua na 35ª Zona Eleitoral.

As prisões foram feitas em flagrante pela Polícia Militar. Os autuados foram liberados após o pagamento de fiança. Nas operações, foram apreendidos mais de R$ 11.152,00 que seriam utilizados ilicitamente para a compra de votos.

De acordo com o artigo 299 do Código Eleitoral (lei n° 4737/1965), “Dar, oferecer, prometer, solicitar ou receber, para si ou para outrem, dinheiro, dádiva, ou qualquer outra vantagem, para obter ou dar voto e para conseguir ou prometer abstenção, ainda que a oferta não seja aceita” é crime com pena de reclusão de até quatro anos e pagamento de cinco a quinze dias-multa.

VIANA

Já no município de Viana, três pessoas foram presas no sábado por compra de votos, em operação envolvendo Polícia Militar e Ministério Público, por meio da promotora de justiça Isabelle de Carvalho Fernandes Saraiva, titular da 1ª Promotoria de Justiça do município, e de servidores do Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (Gaeco).

Além das prisões, foram apreendidos R$ 13.750 no comitê de um candidato a prefeito do município, localizado no Povoado Santeiro, na zona rural de Viana. Na ocasião, havia cerca de 300 pessoas esperando para receber dinheiro, sem que fosse explicado que tipo de serviço teriam prestado. Também foram encontradas várias cópias de documentos, como títulos de eleitor, comprovantes de endereço e RG, bem como listas com nomes de eleitores, indícios claros, segundo as investigações, de crime de compra de votos.

Também ocorreram 17 prisões em Buriticupu e Bom Jesus das Selvas, além da apreensão de grande quantidade de dinheiro (veja aqui).

Policial e candidato a vereador Inaldo Pereira se altera ao ser abordado pela PM em São Bento – MA

Eis a verdade sobre o fato que ocorreu na MA-014, bairro Aeroporto no município de São Bento, a polícia militar vem realizando um trabalho ostensivo para manter a ordem e evitar condutas ilícitas durante as eleições.

Na noite de ontem (13) a polícia foi informada que o “cabo Inaldo” como é conhecido havia ameaçado efetuar disparos de armas de fogo contra um grupo de pessoas, de posse das características do modelo do carro que o denunciado ocupava a polícia iniciou as buscas, ao encontrar o veículo abordaram constatando assim se tratar do acusado.

Ao abordarem solicitaram que ele descesse do carro para que fosse feita revista no interior do veículo, o mesmo se negou a acatar as ordens diretas do comandante e disse que não desceria do veículo por nada. Durante o procedimento da polícia, Inaldo que também é candidato a vereador surtou e gravou áudio em grupo de aplicativo de mensagem informando o ocorrido e distorcendo os fatos.

A guarnição insistiu mas sem sucesso tendo em vista a situação, Inaldo foi convidado a acompanhar a guarnição até a delegacia para que fossem feitos os procedimentos legais, após prestar esclarecimentos foi liberado

BOMBA: Polícia Militar averigua denúncia e apreende arma de fogo com capangas do candidato a prefeito de São Bento Dino Penha

A polícia estava à procura desse grupo que havia sido denunciado por está armado na zona rural de São Bento, ameaçando e intimidando moradores de grupos políticos rivais, ao localizar os homens a polícia constatou que se tratavam de policiais militares, era um total de 06, 04 da reserva e 02 da ativa, uma equipe de segurança a serviço da coordenação de campanha do candidato a prefeito de São Bento Dino Penha, eles estavam em uma caminhonete de uns dos coordenadores da campanha conhecido como Cleuder de Jorge.

Durante a abordagem foi encontrada uma arma de fogo de da propriedade da Polícia Militar, que foi recolhida, os dois policiais da ativa deverão se apresentar à sua unidade de origem para apuração das circunstâncias da ação.

Os outros policiais da reserva foram advertidos pelas autoridades locais pela ação indevida de coação da população.

O clima das eleições municipais em São Bento esquentou, o grupo de Dino Penha está desesperado, durante toda campanha eles provocaram os adversários com músicas de deboches e agora começam a tomar atitudes em desacordo com a ética e bom senso, levando pânico a todos que são da oposição.

A polícia está atenta aos abusos e atividades ilícitas para garantir a segurança dos cidadãos e a democracia do pleito.

TENTATIVA DE ASSASINATO AO PREFEITO JORGE GARCIA DO MUNICÍPIO DE PALMEIRÂNDIA-MA

HOJE POR VOLTA DAS 12H, NO POVOADO CURITIBA, O PREFEITO JORGE GARCIA FOI ABORDADO POR TRÊS HOMENS EM UMA SW4 ADESIVADA COM PROPAGANDA DO ENTÃO CANDIDATO EDILSON DA ALVORADA, OS QUAIS FORAM ATÉ JORGE GARCIA, QUE ALMOÇAVA EM UM RESTAURANTE NA BEIRA DA ESTRADA ENQUANTO ESTAVA ALI PARA VISITAR UMA OBRA DE ASFALTAMENTO DA PREFEITURA, O MESMO FOI ABORDADO POR UM HOMEM QUE SE DIZIA CABO DA POLÍCIA MILITAR, CUJO DIZIA PARA JORGE QUE ELE DEVE PARAR A OBRA DE ASFALTAMENTO POIS HAVERIA UMA CARREATA DO GRUPO DE SEU PATRÃO EDILSON DA ALVORADA, O MESMO HOMEM SACOU UMA ARMA DE FOGO EM DIREÇÃO A JORGE GARCIA DIZENDO QUE SE ELE NÃO PARASSE A OBRA, ELE O MATARIA.

POPULARES CORRERAM EM DIREÇÃO AO PREFEITO FAZENDO UMA BARREIRA HUMANA PARA QUE O HOMEM NÃO O ALVEJASSE EVITANDO QUE ACONTECESSE O PIOR, MAS AS AGRESSÕES E INTIMIDAÇÕES NÃO CESSARAM A JORGE GARCIA.

O HOMEM QUE SE INDENTIFICOU COMO POLICIAL MILITAR FOI RETIRADO DO LOCAL PELOS SEUS COMPANHEIROS ENTRE ELES O CUNHADO DO CANDIDATO A PREFEITO EDILSON DA ALVORADA. APÓS ALGUNS MINUTOS O CANDIDATO A VICE PREFEITO DA OPOSIÇÃO, O ADVOGADO LÚCIO, FILHO DO CORONEL E EX PREFEITO ELIBERTO CHEGOU AO LOCAL PARA CONVERSAR COM O PREFEITO PEDINDO PARA QUE O MESMO DESCONSIDERASSE A AGRESSÃO SOFRIDA PELO O HOMEM E DISSE QUE ELE ERA UM IRRESPONSÁVEL E QUE ELE NÃO IRIA MAIS TRABALHAR COM ELES.

JORGE GARCIA DIZ QUE ATITUDE FOI A MANDO DE EDILSON DA ALVORADA E QUE É PURO DESESPERO DO POLÍTICO QUE A CADA DIA PERDE FORÇA EM SUA CAMPANHA.

CASO HOUVESSE O TRÁGICO ASSASSINATO DE JORGE GARCIA, ESSE INFELIZ FATO BENEFICIARIA DIRETAMENTE EDILSON DA ALVORADA QUE É O VICE DO JORGE GARCIA.

INTERESSANTE SALIENTAR QUE DIAS ATRÁS O SECRETÁRIO DE SEGURANÇA DO ESTADO DO MARANHÃO JEFFERSON PORTELA PUBLICOU UM VÍDEO OFICIAL ADVERTINDO QUE POLICIAIS QUE ESTEJAM PRESTANDO SERVIÇOS DE SEGURANÇA ARMADA DE FORMA ILÍCITA SERÃO CONDUZIDOS E AUTUADOS EM FLAGRANTE.

TODO O FATO OCORRIDO FOI FILMADO PELOS POPULARES QUE ALI ESTAVAM.

ARMA DE FOGO E DUAS MOTOS SÃO APREENDIDAS EM CURURUPU – MA

Na noite de segunda-feira, 02, policiais militares do 25º Batalhão de Polícia Militar prenderam dois suspeitos com duas motos roubadas em Cururupu.

Ao abordar um dos suspeitos e questioná-lo sobre as motos, o mesmo revelou que estas estariam escondidas em um terreno abandonado na região do Gueto, e que teria trazido os veículos na noite anterior, juntamente com outro suspeito.

A guarnição foi ao local e encontraram as motos Brós cor preta, Placa OIW-4413 e uma Titan Cor Vermelha, Placa PTG-3676 no local descrito. Ao averiguar o histórico do conduzido, verificou-se que já respondeu por homicídio, porte ilegal de arma de fogo e tráfico de drogas sendo apresentado na Delegacia de Polícia Civil de Cururupu.

Na manhã de terça-feira, 03, a guarnição foi procurada na sede do Batalhão por um cidadão informando que havia sido ameaçado de morte no na segunda-feira, 02, por um homem com uma espingarda.

Ao realizar diligência o acusado foi avistado na Rua do Pinche, momento em que foi abordado e indagado onde estaria a arma utilizada na ameaça. O mesmo informou que a espingarda encontrava-se em sua residência no povoado Alto Bonito.

Ao chegar ao local à equipe adentrou na casa com a devida permissão e avistou uma espingarda, dois facões, um recipiente de chumbo e pólvora. Diante disso, a polícia militar conduziu vítima e o acusado para a Delegacia de Polícia Civil de Cururupu.