Homem é morto a tiros no bairro Fomento em Pinheiro

Em Pinheiro, um homem, de 31 anos, foi morto a tiros nesta quinta-feira (05). A vítima, deu entrada em um hospital do município após ser atingida pelos disparos de arma de fogo, mas não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

Por volta das 11h30min, a guarnição foi informada via Delta Zero de que haveria ocorrido uma tentativa de homicídio na Avenida Castelo Branco, bairro Fomento, seguida por outra ocorrência de disparos de arma de fogo na Rua Princesa Isabel, bairro João Castelo, sendo esta conexa ao crime de homicídio.

Imediatamente a equipe policial deslocou-se para o local dos disparos enquanto a Equipe Águia seguiu para o local onde estava a vitima do suposto homicídio.

Assim que a equipe, percebeu uma aglomeração de pessoas na frente de uma residência, ao perceber a viatura policial, foi possível Identificar um indivíduo, conhecido como “COREANO”, empreendendo fuga para dentro de uma casa, ao mesmo tempo em que segurava um volume na cintura.

Populares que estavam na rua confirmaram que o suspeito estava portando arma de fogo e momentos antes da chegada dos policiais, teria trocado tiros com outros 02 (dois) indivíduos os quais estavam em uma motocicleta Titan 160, cor vermelha.

Os policiais foram informados por testemunhas de que momentos antes do tiroteio “COREANO” teria supostamente executado a vitima HELIERDSON DA SILVA CASTRO com 01 (um) tiro na região da nuca, na Avenida Castelo Branco.

A motivação do crime está vinculada ao conflito entre facções criminosas, segundo apurado, o tiroteio que se seguiu foi uma reação à ação homicida. Foram feitas buscas com o apoio do GOE e da Equipe Águia na residência do suspeito, com autorização do proprietário do imóvel e nas áreas adjacentes do bairro, no sentido de localizar e prender o acusado em flagrante, no entanto, não foi possível encontrá-lo.

Uma das Guarnições deslocou ao hospital para confirmar a situação e os dados da vítima e foram informados que a mesma já se encontrava em óbito.

Deixe uma resposta